Ludmilla
Ludmilla defendeu Neymar e falou sobre racismo no Twitter (Imagem: Reprodução / Instagram)

Após Neymar acusar o zagueiro espanhol Álvaro González, do Olympique de Marselha, de racismo, Ludmilla mostrou todo o seu apoio e carinho pelo jogador. No Twitter, a cantora soltou o verbo sobre o ocorrido.

Para a branquitude não adianta se você é o melhor no que faz. Se é bem sucedido. Ainda assim, eles olham primeiro para a sua cor”, desabafou a cantora.

“Também não importa se a gente tem a pele mais clara ou mais escura.Eles sempre sabem quem nós somos. E como nos ferir! Ontem comigo, hoje com Neymar”, completou.

“Fora todas as pessoas que sofrem isso na pele todos os dias, mas não têm visibilidade. Pessoas que morrem diariamente por causa do racismo. E eles vivem a vida de boa enquanto a gente sofre. Até quando? Racismo é crime! Fogo neles, Ney! Tamo junto sempre, você é f**a!“, concluiu.

Nos comentários, os seguidores reagiram. “Falou tudo”, concordou uma internauta. “Já chega de ser julgado pela nossa cor”, disse outra. “Obrigada por estar na luta e nunca se calar”, escreveu uma terceira.

Para quem não sabe, o caso aconteceu durante uma partida do PSG contra Olympique de Marselha. Após o jogo tenso, Neymar fez um desabafo no Twitter: “VAR pegar a minha ‘agressão’ é mole. Agora eu quero ver pegar a imagem do racista me chamando de ‘mono hijo de puta’ (macaco filha da puta). Isso eu quero ver!”. “Único arrependimento que tenho é por não ter dado na cara desse babaca”, completou.

O post Ludmilla apoia Neymar após caso de racismo e solta o verbo apareceu primeiro em RD1 → Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.