Felipe Neto
Em rede social, Felipe Neto critica o Governo Bolsonaro (Imagem: Reprodução / Instagram)

Felipe Neto não segurou o seu tom crítico o presidente Jair Bolsonaro e o sistema do Auxílio Emergencial. O governo disponibilizou o valor de R$ 600 reais para a população “se segurar” durante pandemia do novo coronavírus.

“Tem que dar parabéns para o sistema do Auxílio Emergencial criado pelo governo. Alguém usou meus dados pra fraudar o sistema, recebeu 1200 reais usando meu CPF. Para evitar qualquer risco, minha equipe financeira devolveu os 1200 reais para o governo, que nunca recebi”, afirmou o youtuber no Twitter.

O empresário devolveu a quantia de R$ 1.200 para o Governo Bolsonaro após ter sido alvo de um esquema de fraude. Criminosos usaram o nome de Felipe e pediram o auxílio emergencial de R$ 600. Além do cancelamento do cadastro, o empresário acionou a sua equipe jurídica.

No dia 31 de julho, Neto depositou o valor correspondente aos dois meses do auxílio emergencial para o Ministério da Cidadania. A comunicação do youtuber afirmou que “medidas necessárias e cabíveis” pelos seus representantes jurídicos.

Confira a nota na íntegra:

“A assessoria de Felipe Neto esclarece que, por óbvio, o pedido de inclusão de tal benefício não foi feito pelo próprio ou por qualquer pessoa por ele autorizada, mas sim por um terceiro.

Ainda não há conhecimento se a intenção era realizar algum tipo de fraude ou apenas mais uma tentativa de jogá-lo contra a opinião pública. Porém, uma vez ciente do ocorrido, a equipe jurídica de Felipe Neto adotará todas as medidas necessárias e cabíveis para cancelar o cadastro e, caso tenha havido algum repasse, devolver imediatamente a quantia.

Além disso, os advogados providenciarão, junto ao administrador do sistema, a identificação do responsável para que o mesmo responda judicialmente.”

Confira:

O post Felipe Neto debocha de sistema do governo após ser alvo de fraude apareceu primeiro em RD1 → Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.