Bruna Marquezine já se importou muito com a opinião dos internautas sobre seu corpo, mas hoje, com mais maturidade e autoconhecimento, consegue entender que existe uma imposição muito forte para que a gente siga padrões que trazem raízes machistas. Em entrevista ao O Globo, ela contou que se inspira em mulheres fortes para conseguir saber lidar com todas as críticas!

Bruna MarquezineInstagram/Reprodução

Vivemos em uma sociedade que impõe muitos padrões extremamente machista e quem não segue é altamente criticado. Busco ter uma relação de paz e amor com o corpo. Acredito no equilíbrio em geral. O principal objetivo é cuidar da saúde, depois da aparência em si”, disse. “Enxergo nossa beleza como um estado de espírito. As pessoas mais atraentes que conheci não faziam parte desse padrão imposto pela sociedade, mas tinham amor-próprio, o que muda tudo“. 

Para Bruna, todas as mulheres deveriam conseguir se olhar no espelho com carinho e amor. Para ajudar, se inspira em mulheres “com personalidade, coragem e autenticidade como Ashley Graham, Jennifer Lawrence, Gisele Bündchen, Zendaya e Rihanna” que conseguem lidar não só da sua relação com seu corpo, mas com a fama e exposição. “Nunca tive nenhuma grande ambição relacionada à popularidade. As coisas foram acontecendo de forma bem natural, orgânica. O que é mais precioso, na verdade, é meu equilíbrio, minha saúde mental. Então, me policio para não ser sugada pelo ego”.

Você tem alguma mulher inspiradora na sua vida?